Menu
O professor é o principal vetor de transformação da Educação

Com base em pesquisas e com a convicção de que o professor é o principal vetor de transformação da educação, criamos em 2014 o Projeto Melhores Cabeças, •com o forte intuito de atrair talentos para a carreira docente.

Em parceria com as Diretorias de Ensino do Vale do Paraíba, buscamos alunos da rede pública que tenham como projeto de vida a carreira docente e apresentem bom desempenho acadêmico, para participarem do processo seletivo. Através dele, identificamos jovens que compartilham  conosco a ideia de que a Educação é a principal ferramenta de transformação, de igualdade e de justiça para nossa sociedade.

Os estudantes do 3º ano do Ensino Médio das escolas das Diretorias participantes respondem a uma pesquisa sobre Projeto de Vida.

Dentre aqueles que escolheram ser professor, convocamos os que possuem alto desempenho acadêmico para participarem do nosso processo seletivo.

Realizamos dinâmicas de grupo e entrevistas para selecionar aqueles candidatos que têm brilho nos olhos e dividem conosco o sonho de transformar a Educação.

Uma vez selecionado o Educador de Futuro, como chamamos nossos jovens, terá direito a:

. Bolsa de estudos integral em cursos dePedagogia e Licenciaturas;

. Bolsa-auxílio mensal para gastos relacionados aos estudos;

. Acompanhamento de profissionais e atividades formativas para melhor organização da vida acadêmica, profissional e pessoal.

Como tudo em que acreditamos, essa é uma relação de troca e parceria. Por isso, exigimos do Educador de Futuro presença nas aulas e manutenção da nota em padrões acima da média exigida pelas universidades. Além disso, é esperado que ele atue como professor no Vale do Paraíba durante, no mínimo, 3 anos após sua graduação.

O professor é o principal vetor de transformação da Educação
GLEICY Turma de 2014
A Gleicy é de Pindamonhangaba e foi a primeira participante do Projeto Melhores Cabeças. Ela cursou Química na UNITAU (Universidade de Taubaté) e sonha em se especializar em Astrofísica.
ANA CAROLINA MARTINS Turma de 2015

A Ana Martins é de Pindamonhangaba e cursou Pedagogia. Participou do PIBID (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência), desenvolvendo conhecimento a partir de experiências que obteve estagiando em Escolas Públicas. Atualmente, é professora de Berçário II e trabalha em período integral com as crianças deTaubaté.

LARISSA VELASCO Turma de 2015

Larissa cursou Letras, porque sempre gostou de ler. Ela se formou com média geral 9,4. Agora ela se divide em alguns trabalhos: é professora eventual do SESI de Pindamonhangaba, ministra aulas em um colégio particular, dá aulas particulares e corrige trabalhos de alunos da graduação. Ela já ajudou muito os Educadores de Futuro, preparando materiais de estudo para aprimorar sua escrita.

TATIELY Turma de 2015

A Tatiely treinou por anos Ginástica Rítmica. Ela não só cursou Licenciatura em Educação Física, como cursou também Bacharelado em Educação Física por conta própria. Hoje, ela dá aulas de Educação Física do 1° ao 5° ano em duas escolas da Rede Municipal de Pindamonhangaba através do Projeto Esporte & Educação.

ANNA RODRIGUES Turma de 2016
Quando a Ana soube do Processo Seletivo do Projeto, não pensou duas vezes. Ela sempre foi encantada por História e gostava de ensinar seus colegas. Durante a graduação, participou do PIBID em duas escolas diferentes e hoje realiza pesquisas voltadas à educação, além de dar aulas particulares.
LORRAYNE Turma de 2016
A Lorrayne cursou Letras. Participou do PIBID e do Grupo de Estudos de Língua Portuguesa (GELP) da UNITAU, cujo objetivo é auxiliar a melhoria da escrita de alunos do Ensino Médio e de participantes de projetos sociais conveniados à Universidade.
ALINE Turma de 2017

Aline é de Pindamonhangaba e cursou Pedagogia. Durante a graduação ela participou do PIBID (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência), fez parte de um documentário da TV Futura sobre "A mulher negra na Universidade". Ela também estudou Educação Carcerária e se aprofundou nos estudos sobre Ensino Infantil. Atualmente, a Aline é professora de Educação Infantil da rede de Pindamonhangaba.

AMANDA Turma de 2017

Amanda cursou Pedagogia. Ela escolheu ser professora para fazer a diferença para as crianças e contribuir para toda a transformação que a Educação tem o poder de fazer. Hoje ela atua numa sala de maternal na Rede de Pindamonhangaba.

BRUNA RODRIGUES Turma de 2017

Bruna cursou Pedagogia na UNITAU e foi considerada a melhor aluna da sala por três vezes. Durante a graduação, participou do PIBID e de ações solidárias com crianças o objetivo de estimular a Educação e a atividade de brincar. Além disso, Bruna aprofundou seus conhecimentos em Pedagogia em um curso de Neurociências.

IGOR GODOI Turma de 2017

Igor cursou Licenciatura em Física na UNITAU e fez iniciação cientifica no INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais). Ele participou do PIBID e do Show da Física. Essa iniciativa leva, de uma forma lúdica e interativa, conhecimento para jovens e adultos, despertando a curiosidade e o físico que existem em cada pessoa. Também fez estágio em uma escola apoiada pela FLUPP através da Parceiros da Educação.

NATALIA VIEIRA Turma de 2017

Natalia sempre escreveu muito bem e tinha o sonho de ser professora. Ela cursou Letras e participou do PIBID, do Projeto Aula Extra e ajudou a organizar a Virada Educação em Pindamonhangaba. Além de todos os projetos com que se envolve, a Natália é ativista em causas sociais e ambientais.

VICTOR FELIPE MENEZES DOS SANTOS Turma de 2017

Victor cursou Licenciatura em Física e sempre ajudou seus colegas a estudarem exatas. Ele estagiou em diferentes escolas da Rede Estadual de Pindamonhangaba e de Taubaté. Participou do PIBID, do Show da Física e do Projeto “Física mais que divertida”, vinculado à Prefeitura de Taubaté para o Ensino Fundamental. Victor vai prestar concurso na Diretoria de Ensino de Pindamonhangaba. Ele tem a certeza de que quer atuar com Educação e com projetos da FLUPP ainda por bastante tempo.